Kilocalorias

Creatina

0 52

A creatina [NH2-C(NH) – NCH2(COOH)-CH3] é um composto de aminoácidos presente nas fibras musculares e no cérebro. A palavra deriva do grego kreas, que significa carne. Em 1832 o cientista e filósofo francês Michel Eugene Chevreul identificou e nomeou a creatina, mas foi Justus von Liebig, cientista alemão, que anos depois começou a promovê-la como substância importante para aumento de força em trabalhos físicos.
A creatina não é essencial, ou seja, não depende da ingestão pois pode ser produzida pelo organismo humano. Contudo a suplementação desse composto pode elevar as concentrações musculares, o que é proposto como agente ergogênico[4]. A suplementação de creatina pode aumentar os níveis de creatinina no sangue, criando um resultado falso-positivo em exames. Isso significa que o resultado de um exame pode ser interpretado como se houvesse danos aos rins mesmo que não esteja acontecendo nada, simplesmente a conversão da creatina em creatinina.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.