Kilocalorias

O teu medidor de Fitness NÃO presta.

Está o teu smartwatch o banda de fitness a dar-te informação correta? Olha aúltima ciência

0 126

Como os controladores de fitness e os relógios inteligentes se tornaram populares, vários blogs tentaram testar a sua precisão. A maioria notou a mesma coisa: esses equipamentos simplesmente não são muito precisos.

Ora o que fizera? Agarraram em vários equipamentos (leia-se smartwatches e bandas fitness) de uma só vez, etodos os dispositivos forneceram leituras diferentes quando se tratava de frequência cardíaca, passos realizados, calorias queimadas e outras medidas. Não é bom, nada bom mesmo.

E estas conclusões era tiradas por pessoas “normais”, mas agora a ciência resolveu entrar em cena e testar ao mais ínfimo pormenor tudo sobre estes equipamentos testando duas simples métricas: frequência cardíaca e gasto de energia (calorias queimadas).

 

O estudo:

O estudo realizou-se no Centro Médico da Universidade de Stanford, onde pesquisadores recrutaram 60 voluntários para testar vários dispositivos numa configuração de laboratório. Os voluntários usaram até quatro dispositivos ao mesmo tempo e fizeram várias atividades, como andar, correr, andar de bicicleta e até mesmo sentar-se.

Claro que também estes voluntário foram ligados a instrumentos super-precisos que medem a frequência cardíaca e o gasto de energia. A ideia era comparar os gadgets do mercado com os instrumentos de laboratório.

Resultado

Para a frequência cardíaca, a maioria dos leitores de fitness fez tudo certo. O Apple Watch teve a menor taxa de erro (2%), enquanto a Samsung Gear S2 apresentou a maior taxa de erro (6,8%). Mas estes resultados até são considerados bons para fins não médicos.

O problema surge nas leituras de calorias queimadas. NENHUM PRESTA.

  • Nenhum dispositivo alcançou uma taxa de erro no gasto de energia abaixo de 20%.
  • O equipamento mais perto estava com uma leitura de desvio de 27%
  • O pior de todos com uma leitura de 93%
  • O erro foi pior no sexo masculino e voluntários de pele mais escura.

O Apple Watch teve o perfil de erro geral mais favorável, enquanto o PulseOn apresentou o perfil de erro geral menos favorável. Aqui está uma visão geral:

  • Apple Watch: Não tão mau
  • Basis Peak: Mauzito
  • FitBit Surge: Muito mau
  • Microsoft band: Super mau
  • PulseOn: Horrivelmente mau
O que fazer e como usar esta informação:

Faças o que fizeres, não ajustes o teu treinamento ou dieta com base apenas no que um dispositivo de fitness wearable te diz. Quando se trata de medidas de “calorias queimadas”, elas são grosseiramente imprecisas. Os algoritmos são muito maus e o que você obtém basicamente é um palpite amplo e educado.

Mas se estás absolutamente determinado(a) a comprar um destes equipamentos, o Apple Wtch parece ser o melhor de todos baseado neste estudo. Ou usa o medidor que tens em casa que é mais grátis – O espelho.

1.
Shcherbina A, Mattsson C, Waggott D, et al. Accuracy in Wrist-Worn, Sensor-Based Measurements of Heart Rate and Energy Expenditure in a Diverse Cohort. J Pers Med. 2017;7(2). [PubMed]
Fonte T-Nation

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.